Televendas: (31) 3063-8989
Central de Atendimento
(31) 3063-8989 (31) 98462-5344 @ sac@naturecenter.com.br Segunda à Sexta-feira de 8h às 19h.
Sábado de 9h às 13h.
Mostrando 7 Produtos em 1 páginas
Canela de Velho é uma poderosa alternativa natural para a melhora em geral da nossa saúde. A Canela de Velho auxilia no tratamento de artrite, artrose e dores nas articulações através da ação anti-inflamatória.
Naturemed
Product ID: 2717
Product SKU: 2717
New In stock />
Canela de Velho - 120 Cápsulas - Naturemed
Óleo de Canela de Velho Katigua é derivado planta Canela de Velho que possui ação analgésica e anti-inflamatória. O Óleo de Canela de velho auxilia na melhora de dores e inflamações musculares e articulares.
Katigua
Product ID: 2663
Product SKU: 2663
New In stock />
Óleo de Canela de Velho - 30ml - Katiguá
Canela de Velho Terra e Saúde em Gel é ideal para massagens musculares, reduzindo as dores decorrentes de má postura e esforço repetitivo.
Terra e Saúde
Product ID: 3130
Product SKU: 3130
New In stock />
Canela de Velho em Gel - 250g - Terra e Saúde
Canela de Velho In Natura reduz as dores e inflamações nas articulações, sendo indicado no tratamento de artrite e artrose.
Naturemed
Product ID: 2979
Product SKU: 2979
New In stock />
Canela de Velho - 100g - In Natura
Canela de Velho é uma planta medicinal usada no tratamento de doenças articulares, como artrite e artrose, reduzindo as dores e inflamações.
Terra e Saúde
Product ID: 3156
Product SKU: 3156
New In stock />
Canela de Velho - 100g - Terra e Saúde
Canela de Velho Composto em Gotas é ideal para reduzir dores e edemas, causados por problemas articulares, pois reduz a inflamação e acelera a recuperação.
Terra e Saúde
Product ID: 3158
Product SKU: 3158
New In stock />
Canela de Velho Composto - 100ml - Terra e Saúde
Canela de Velho e Stevia é um chá composto, adoçado naturalmente, utilizado para reduzir dores e inchaço de doenças articulares.
Vida Natural
Product ID: 3307
Product SKU: 3307
New In stock />
Canela de Velho e Stevia - 45g - Vida Natural
Mostrando 7 Produtos em 1 páginas

Canela de Velho

Muito tem se falado sobre o poder das plantas, que são conseguem prevenir ou curar doenças ou, pelo menos, amenizar os sintomas que acabam por reduzir drasticamente a qualidade de vida de uma pessoa.

Não é para menos que, hoje em dia, até mesmo a medicina tradicional tem desenvolvido os seus medicamentos a partir de plantas que estão em abundância na natureza, como é o caso da Canela de Velho, uma planta com apelido muito curioso.

O uso terapêutico dessa planta já é consagrado pela sabedoria popular e está sendo investigado por diversos estudiosos das mais consagradas universidades brasileiras, como a UNESP. Há milhares de artigos científicos publicados em que se debate sobre as suas propriedades benéficas para a saúde, especialmente em relação às dores causadas pelo desgaste nas articulações.

Ao que tudo indica, esta planta medicinal se originou no nordeste brasileiro, região em que é encontrada em abundância, sobretudo nos estados da Bahia e Sergipe.

O consumo regular da planta, em doses adequadas, traz diversos benefícios à saúde e ajudam muitas pessoas a viver com menores dores, além de prevenir diversas doenças, especialmente as que são causadas pelos radicais livres.

 

O que é Canela de Velho?

A Miconia Albicans, nome científico da Canela de Velho, pertence à família Melastomataceae, uma das famílias botânicas mais importantes, pois contribuem para a restruturação ambiental e convivem bem com a fauna.

Ela pode ser encontrada no formato de um arbusto de cerca de 70 centímetros de altura, mas também pode alcançar 3 metros de altura.

Ainda que a origem conhecida da planta seja no nordeste brasileiro, ela existe em países tropicais, se estendendo desde o México e Antilhas, passando pelo Paraguai e ocupando boa parte dos estados brasileiros, desde Roraima e Amazonas até o Paraná.

Apesar de ser característica da savana e do cerrado, também é encontrada no litoral.

A parte da Canela de Velho que carrega as propriedades medicinais aliadas à saúde é a folha, que possui tonalidade verde brilhante e forma ovalada.

 

Como e Por Que funciona a Canela de Velho?

A Canela de Velho possui diversos princípios ativos benéficos para a saúde, tais como Flavonoides e compostos triterpênicos, ou seja, ácido oleanólico e ácido ursólico.

Os flavonoides, presentes nas frutas vermelhas uma das razões que fazem com que seja recomendado beber uma taça de vinho por dia, possui função antitumoral, em outras palavras, previne e retarda alguns tipos de câncer.

Outra propriedade relacionada ao câncer é a antimutagênica, que protege as células do corpo contra mutações e danos no DNA, o que não só evita o câncer como também evita que ocorra algum problema no desenvolvimento do organismo.

Os fitoquímicos possuem propriedades anti-inflamatórias e analgésicas, que podem ajudar no alívio de dores. Por conta disso, a Canela de Velho é muito usada no tratamento da artrose e osteoartrite.

A artrose é uma doença que faz com que as cartilagens – que se forma nas extremidades dos ossos e facilita o movimento e absorve os impactos – se desgastem.

Por conta disso, o atrito entre os ossos aumenta e a pessoa sofre de dores, inchaço, inflamação (osteoartrite), rangidos quando se movimenta, formigamento da região desgastada e dormência.

É uma doença que aparece com frequência em pessoas com mais de 60 anos, mas também pode aparecer em pessoas mais jovens que sofrem de distúrbios hormonais, doenças metabólicas (obesidade, diabetes, etc.), lesões nas articulações – inclusive aquelas adquiridas com exercícios físicos – deformidade óssea ou que trabalha fazendo movimentos repetitivos.

A hereditariedade também é um fator que contribui para a doença, que pode causar algumas limitações:

- Mãos: o paciente pode ter dificuldade em mexer os dedos e mover as mãos, como por exemplo segurar algum objeto ou escrever;
- Joelhos: a artrose compromete a capacidade do paciente de andar e se sentar. Apesar de a artrose não ter cura, ela pode ser tratada com medicamentos e os sintomas podem ser aliviados.

Além disso, a Canela de Velho ainda possui as seguintes propriedades:

- Antimicrobiana;
- Hepatoprotetora (protege o fígado);
- Tônica digestiva. Apesar de algumas pessoas difundirem a ideia de que esta planta medicinal também emagrece, não há comprovações científicas de que consumi-la não afeta o peso, nem para mais e nem para menos.

 

Benefícios do Suplemento Canela de Velho

Esta planta medicinal possui diversos benefícios já conhecidos, enquanto novas descobertas sobre as suas propriedades benéficas estão aparecendo a cada estudo científico realizado.

Protege as articulações

A Canela de Velho é uma aliada natural no tratamento de doenças nas articulações, tais como:
- Artrose;
- Artrite;
- Tendinite;
- Reumatismo;
- Fibromialgia.

Ademais, também auxilia no alívio de dores na coluna e nas articulações como dedos, joelhos, cotovelos, etc.

Ainda pode ser consumida para tratar dores momentâneas, como torcicolos e torções.

Apesar de algumas doenças não terem cura, esta planta medicinal ajuda a prevenir o desenvolvimento da neuropatia dolorosa, ou seja, evita que o cérebro perceba que o corpo está sentindo dor.

Previne o câncer e a má formação das células

Além disso, devido às suas propriedades antioxidantes e antitumorais, pode ser usado para prevenir ou retardar alguns tipos de câncer, já que tem uma ação protetora das células contra os danos no DNA.

Auxilia no tratamento da diabetes

A planta ajuda no tratamento da diabetes, além de ajudar a prevenir o seu desenvolvimento em pessoas que já têm tendências. Lembrando que todos os alimentos que possuem carboidrato – e não apenas os doces - podem elevar o nível de glicose no sangue.

A Canela de Velho é justamente responsável por controlar o nível de glicose na corrente sanguínea e evitar que ajam picos e quedas.

Além disso, a planta também atua na prevenção de doenças no rim e no coração. Por conta disso, os riscos de sofrer um infarto do miocárdio é menor.

Ajuda na digestão

A Canela de Velho ajuda o organismo a funcionar de maneira correta, sobretudo o estômago e o fígado, já que a erva reduz consideravelmente a gordura acumulada na região.

Desse modo, o consumo do chá e das cápsulas pode auxiliar no tratamento de:

- Azia;
- Má digestão;
- Refluxos;
- Dores de estômago.

Elimina os radicais livres

A Canela de Velho é rica em propriedades antioxidantes, responsáveis por destruir os radicais livres que causam o envelhecimento precoce da pele – inclusive o aparecimento de diversas manchas - e dos tecidos.

Um estilo de vida desregrado, com alimentação rica em refrigerantes, balas e salgadinhos, também contribui para o aumento dos radicais livres.

Além disso, a planta ajuda o corpo a eliminar toxinas provenientes dos metais tóxicos presentes na água, agrotóxicos e da poluição como um todo. Na verdade, até mesmo o oxigênio, fundamental para a nossa sobrevivência, é uma fonte de radicais livres.

Esse efeito detox ocorre não apenas no sangue, mas também em todo o organismo. Por conta disso, outro benefício que as propriedades antioxidantes oferecem para o organismo é a prevenção do aparecimento de várias doenças ocasionadas pela má formação celular e pela degradação dos tecidos.

Desse modo, esta erva medicinal também está ligada ao bom funcionamento do cérebro, já que os radicais livres são grandes responsáveis pelo Mal de Alzheimer, derrame cerebral, doença senil, etc.

Por fim, como os radicais livres também estão relacionados à catarata, o consumo do suplemento também auxilia na saúde dos olhos..

Melhora a vida sexual

Diversas pessoas que consomem o chá e as cápsulas da planta constataram que ouve uma melhora em sua vida sexual, especialmente porque a libido aumenta.

Previne e combate a doença de Chagas

A planta ainda possui propriedade antibacteriana, que atua no combate ao Trypanosoma cruzi, parasita que causa a doença de Chagas.

Previne e desacelera tumores

Há relatos de que a Canela de Velho pode ser usado para desacelerar tumores que já apareceram.

Além disso, pessoas que fazem o consumo do suplemento a longo prazo e de maneira regular têm menores chances de desenvolver o câncer, já que a planta é conhecida por prevenir e má formação das células.

Entretanto, ainda estão sendo feitos estudos que comprovem a eficácia da erva no tratamento do câncer.

Ajuda no tratamento de hemorroidas

Por ser rica em Vitamina P, mais conhecida como rutina (vitamina P), a erva pode ser usada no tratamento de hemorroidas. Graças à essa vitamina, surgiu a probabilidade de que o consumo de chás e cápsulas também auxilia no emagrecimento, entretanto, ainda não foi comprovado cientificamente.

 

Como Consumir a Canela de Velho?

Há diversas formas de se consumir a Canela de Velho, sendo que ela está disponível na forma de cápsulas, composto em gotas e chás para uso interno e pomadas e géis para uso tópico.

1. Cápsulas: Consuma 1 cápsula do suplemento, 3 vezes ao dia;
2. Óleo: Utilize em massagens relaxantes ou conforme recomendação médica;
3. Chá: Beba 3 a 5 xícaras do chá ao longo do dia, tomando cuidado para não ultrapassar meio litro da bebida;
4. Gel: Aplique na região desejada, massageando com movimentos suaves até que a pele absorva o produto por completo;
5. Composto: Beba 20 gotas com água após as refeições e antes de dormir. Reduzir a dose pela metade no caso de crianças;
6. Chá em sachês: Coloque 4 sachês em ½ litro de água fervente, cubra com um prato e aguarde 3 minutos. Retire os sachês e coloque mais ½ de água gelada. Adoce caso necessário e sirva.

Uma outra forma de uso tópico da doença é por meio de banhos, em que a pessoa banha a região inflamada e dolorida com a infusão feita a partir do chá.

Como cada organismo age de maneira diferente, algumas pessoas notaram melhora nas dores a partir de uma semana, enquanto outras necessitam de 30 a 90 dias para sentir a melhora.

Para que a Canela de Velho apresente resultado, é preciso consumir o produto durante, pelo menos 30 dias consecutivos. Se houver necessidade, é possível estender o consumo até 60 dias.

Lembrando que este produto deve ser considerado como um medicamento que deve ser tomado de forma prolongada e continuada.

Para aproveitar todas as propriedades benéficas da planta, é preciso preparar o chá a cada dois dias, no máximo. Sendo que o melhor é preparar o chá e consumir ao longo do dia, fazendo um novo na manhã do dia seguinte.

É possível tomar o chá ao mesmo tempo em que se aplica na forma de banho – ou aplica a pomada e/ou gel – para que o efeito seja potencializado.

Lembrando que nenhuma planta medicinal deve substituir o acompanhamento de um médico, especialmente um ortopedista, já que é considerado apenas um tratamento alternativo e complementar, não o principal tratamento.

Apenas o médico pode recomendar a dose diária adequada para cada paciente.

 

Como Preparar o Chá?

Utilize 7 folhas de Canela de Velho para cada ½ litro da água.

As folhas devem ser colocadas em água fervente. Aguarde 30 segundos para, então, desligar o forno e tampar o chá. Aguarde a infusão agir por, aproximadamente,10 minutos.

A bebida pode ser consumida quente ou gelada, antes das principais refeições.

 

Há Contraindicações da Canela de Velho?

A Canela de Velho não deve ser consumida por pessoas que apresentarem alergia à planta. Grávidas e mulheres que estão amamentando devem beber apenas sob orientação de um médico. Crianças não devem exceder a metade de uma dose.

Consumir o chá em excesso pode causar mal-estar no estômago e, se isso acontecer com frequência, o sistema digestório pode ser prejudicado. Além disso, os fitoquímicos, tão benéficos para a saúde, podem lesionar o fígado, o que faria com que ele não funcionasse direito.

Saber a procedência do produto é fundamental, já que a Canela de velho possui uma grande capacidade de absorver alumínio do solo, causada, sobretudo, pela exploração mineral do Cerrado.

Ainda que o alumínio seja um metal necessário para o bom funcionamento do nosso organismo, o excesso pode causar diversos danos à saúde, especialmente porque o corpo humano não é capaz de absorvê-lo corretamente.

Por isso, é importante que o consumo da Canela de Velho seja feito da maneira correta. Por isso, siga sempre as instruções presentes no rótulo do produto e não ultrapasse tanto em relação à quantidade quanto à frequência.


 

Visitados

O que falam sobre nós

Acesse
o blog