Televendas: (31) 3063-8989
Central de Atendimento
(31) 3063-8989 (31) 98462-5344 @ sac@naturecenter.com.br Segunda à Sexta-feira de 8h às 19h.
Sábado de 9h às 13h.
Mostrando 2 Produtos em 1 páginas
Mostrando 2 Produtos em 1 páginas

Matchá - saiba tudo sobre!

O matchá é conhecido por muitos por ser o mais verdadeiro entre todos os chás. Resumidamente, todo líquido preparado a partir de infusão de algum sólido é chamado de chá. Porém, Matchá é um chá que se origina de uma planta popularmente chamada de chá.

Hoje o consumo de chás é cada vez mais crescente e difundido entre pessoas de diferentes idades. O matchá é um dos que acompanham esse crescente, por seus inúmeros benefícios trazidos da sua ingestão regular.

Confira o texto para saciar essa curiosidade e descobrir os benefícios do Matchá!

 

O que é o Matchá?

Conhecido e usado em mais de 160 países de todo o mundo, o matchá é um tipo de chá verde que vem de uma planta cientificamente conhecida por Camellia sinensis e que é popularmente chamada de chá-da-índia ou simplesmente chá.

A planta possui origem chinesa e é usada desde a antiguidade em diferentes enfermidades. O chá-da-índia se adapta a todos os tipos de clima e é da família das teáceas (Theaceae).

Essa família de plantas engloba cerca de 190 espécies de plantas, que se estendem desde regiões temperadas e até tropicais.

Uma das coisas que causa a diferença é a técnica de cultivo da planta (para o matchá, a planta é cultivada na sombra, o que a deixa mais verde pois possui a clorofila mais concentrada). Pode-se dizer, basicamente, que esse é um tipo de chá verde mais forte e concentrado.

Um dos primeiros usos dados ao chá foi por budistas e monges budistas, para manter a mente alerta e facilitar o processo de meditação.

E essa foi uma das formas que fez o chá ganhar o mundo: ele era frequentemente indicado pelos monges em seus ensinamentos e muitos visitantes saíam com esse costume de meditar após tomar uma boa xícara do chá.

O Matchá possui benefícios ainda não descobertos, mas os que já foram comprovados fazem valer a pena o uso frequente desse chamado tesouro verde.

O extrato da planta é produzido basicamente a partir da desidratação e trituração das folhas e pode ser usado de diferentes maneiras, a mais difundida delas, obviamente, é na forma de chá.

 

Matchá: para que serve

O Matchá tem uma gama de benefícios, pois apresenta, em sua composição, muitas substâncias presentes que agem sobre diferentes partes do corpo. Dentre tantas substâncias, podem se destacar:

- A Teofilina: é um fármaco presente em abundância na cafeína e cacau, bastante usado para tratar problemas respiratórios, como a asma.
- Cafeína: composto químico que promove concentração, ajuda a prevenir enxaquecas e dores de cabeça e tem efeito energizante sobre o corpo humano.
- Taninos: moléculas que possuem uma infinidade de benefícios, a depender da composição química. Podem ser usadas constantemente no caso de contaminações por metais pesados e agir como cicatrizantes e limpeza de peles oleosas.
- Flavonoides: grande grupo de substâncias que atuam sobre o metabolismo e promove benefícios como ação antioxidante e anti-inflamatória. Tais substâncias auxiliam no aproveitamento da vitamina C sobre o corpo, atua na prevenção de cânceres. Os encontrados no Matchá são incolores.

Dentre tantas propriedades, o chá verde pode servir para trazer muitos benefícios, confira eles nos próximos tópicos.


Retardar o processo de envelhecimento

O Matchá tem ação antioxidante, o que diminui o envelhecimento das células e melhora o aspecto da pele, e protege-a melhor contra o aparecimento de rugas.

As pessoas que tomam com frequência este chá, relatam em poucos dias a diminuição na oleosidade da pele. Além disso, o chá faz bem à mente por ter efeitos de prevenção aos sintomas de Alzheimer.

Além dela, o chá é um potente agente contra doenças como a de Parkinson. Esses benefícios são alcançados graças aos taninos presentes no matchá.


Diminuir o inchaço e facilitar a diurese do corpo

O inchaço (principalmente abdominal) é comum em pessoas que pouco se exercitam ou que possuem uma alimentação excessiva em sódio e causa mal-estar e baixa autoestima em muitas pessoas.

Muito desse inchaço acontece porque ao invés do líquido em excesso no nosso corpo ser liberado a partir da urina, ele vai para outras partes, como a região abdominal e as pernas.

Esse chá pode auxiliar na liberação daqueles líquidos que são mais difíceis de serem liberados do corpo, o que diminui assim o inchaço e mal-estar causado por eles. Por isso, ele é conhecido como um desintoxicante natural.


Auxiliar no emagrecimento

Nesse quesito, o Matchá pode agir de duas diferentes formas. A primeira é na diminuição da sensação de fome, saciedade rápida, o que exige uma quantidade menor de alimentos para suprir à vontade.

Outro meio é que ele auxilia na queima de gorduras indesejadas no corpo, pois acelera o metabolismo e aumenta a temperatura corporal. O chá é frequentemente recomendado para usar antes de treinos por conta desse benefício.

Esse chá possui uma substância chamada epigalocatequina-galato (ou EGCG), que tem função de queimar gordura corporal. Componentes que contenham essa substância são muitos indicados para casos de obesidade e resistência na perda de peso, por exemplo.


Proporcionar energia para o corpo e aumentar a concentração

O matchá apresenta cafeína, que é responsável por aumentar o foco mental e concentração durante a realização de atividades.

Por isso, como falado anteriormente, ele é usado por monges budistas para buscar facilitar o estado de vigília do corpo no momento de meditação e ao acordar.

O chá melhora a atividade cerebral. E isso não acontece só porque tem a cafeína, mas outras substâncias que proporcionam isso.

Estudos comprovam que o Matchá tem pelo menos duas vezes mais cafeína que os chás convencionais, mas também há outras substâncias que função energética.


Usos na culinária: sorvetes e cozinha salgada

O Matchá também é cada vez mais inserido em pratos e bebidas além de chás. Seu uso é amplamente testado seguido de diferentes componentes, tantos doces quanto salgados.

Uma das principais sobremesas em que se usa o matchá é o sorvete, conhecido como sorvete verde em outras partes do mundo.

Além de sorvetes, o matchá pode ser usado em pães, cremes para recheio de bolos, suflês, brownies, biscoitos, cupcakes, panquecas e uma infinidade cada vez maior de receitas.


Aliviar o estresse e ansiedade

O Matchá pode causar, se em grande quantidade, sintomas de ansiedade. Porém, na quantidade certa ele pode controlar alguns sintomas, como a desconcentração e a dificuldade de ação nesses momentos.

Além disso, o chá é um poderoso fitoterápico contra o estresse, e por isso é usado por muitos após momentos de aflição e em momentos de reflexão.

Devido ao seu benefício para o cérebro e para manter o foco, ele atua indiretamente nesses benefícios, pois evita a procrastinação.


Melhoras nas taxas de colesterol e glicose

Estudos comprovam que o uso do matchá pode resultar em uma redução significativa de colesterol ruim, o que diminui o risco de ataques cardíacos e derrames.

Diabéticos também tomam em virtude de sua ação na regulação da glicose no sangue. Por esse motivo é considerado um “remédio santo” para diabetes.

O chá também atua na prevenção de doenças renais e hepáticas, além de melhorar substancialmente a qualidade de vida.

 

Matchá: benefícios e vantagens

O matchá possui diferentes compostos que auxiliam o organismo de diferentes formas, desde o alívio do estresse, melhoria da concentração e na redução de peso.

Adquirir o Matchá é optar por uma solução mais natural e segura para solucionar e reduzir muitos problemas de saúde. Aqui apresentamos uma lista resumida de alguns principais benefícios:

- Melhora a concentração, reduz o nível de procrastinação;
- É um antioxidante poderoso e combate os radicais livres;
- Auxilia no combate ao envelhecimento, principalmente na melhoria do aspecto da pele;
- Reduz a vermelhidão da pele e alivia queimaduras;
- Previne problemas renais e cardiovasculares;
- Alivia o estresse e ansiedade;
- Proporciona energia ao corpo, pode ser usado como pré treino;
- Diminui o inchaço no corpo;
- Facilita o processo de diurese;
- Pode ser usado para produzir receitas culinárias;
- É uma solução natural e que não oferece perigos no seu momento de uso.

Os efeitos e suas intensidades podem variar de acordo com cada organismo, com o tamanho e número de doses que se ingere. Por isso, para garantia o resultado desejado, deve-se procurar a orientação de um especialista.

 

Como tomar o Matchá?

Apesar da infusão de sólidos em líquidos ser conhecida como chá, o matchá não necessariamente se prepara a ferver e deixar agir por muito tempo na água quente. Pode- se tomar gelado ou quente, isso fica a critério da pessoa.

Também se faz bebidas mais encorpadas como vitaminas com bananas, por exemplo. Além de ser adicionado em milk-shakes que podem ser usados como pré treino e proporcionam a energia necessária para a prática de exercícios.

Pode-se preparar o chá ao adicionar duas (2) colheres de sopa em 200 ml de água e mexer bem para dissolver. O recomendado é beber no máximo três xícaras de chá por dia.

Além disso, como mencionado, o pó verde pode ser usado como ingredientes em diferentes receitas. Um dos seus usos é o de substituir os corantes verdes, o que dar o aspecto de cor mais natural, sem conservantes e ainda propicia um aroma e sabor para a receita.

 

Composição do Matchá

O Matchá é composto predominantemente por matchá solúvel (Camellia sinensis). Apresenta também acidulante cítrico, regulador citrato de sódio, aroma de limão, antiumectante e outros componentes em menores quantidades.

O Matchá é um chá livre de glúten e não apresenta lactose, portanto, pode ser ingerido por pessoas com intolerância a tal composto.

 

Efeitos colaterais do Matchá

O uso direto do Matchá não tem registro de nenhum efeito colateral pesado, porém, todo chá ingerido em grandes quantidades pode provocar algumas alterações no organismo. A recomendação é sempre tomar no máximo quatro xícaras de qualquer chá por dia.

O Matchá pode ser consumido junto com outros chás, mas em pouca quantidade. A partir de quatro xícaras a pessoa está sujeita a apresentar sintomas de hiperatividade (dado que tem cafeína, é um chá energizante), dificuldade para dormir se tomado à noite e tontura leve.

Para o uso frequente do matchá é aconselhado usar um creme dental de boa funcionalidade e fazer uma boa escovação a cada uso, pois é possível que em alguns casos ele deixe os dentes esverdeados.

O chá de matchá também pode causar dor no estômago se tomado em excesso, causar irritações na pele e arritmias. O chá não é aconselhado para pacientes com distúrbios renais, de fígado ou problemas no coração.

É importante que grávidas e crianças apenas tomem com acompanhamento de nutricionistas ou profissionais habilitados, a fim de garantir segurança à sua saúde.

Pessoa que tomam medicamentos com muita frequência (como aquelas que precisam se medicar diariamente) devem tomar apenas no acompanhamento de um profissional para verificar se haverá interação.

No momento que notar algum efeito ou desconforto do uso do Matchá, deve-se paralisar imediatamente seu uso e se os sintomas persistirem, relatar a um médico ou médica.

 

Onde comprar

Matchá pode ser adquirido a partir de compra online na Nature Center. O site contém inúmeras outras informações sobre o componente e oferece o produto com frete bastante acessível. Nesse caso, o chá vem em porções de 20 g, o recomendado para se fazer 200 ml de chá.


 

Visitados

O que falam sobre nós

Acesse
o blog