Televendas: (31) 3063-8989
Central de Atendimento
(31) 3063-8989 (31) 98462-5344 @ sac@naturecenter.com.br Segunda à Sexta-feira de 8h às 19h.
Sábado de 9h às 13h.
Mostrando 43 Produtos em 2 páginas
Mostrando 43 Produtos em 2 páginas

Plantas Medicinais - Saiba tudo sobre!

A percepção e conhecimento sobre as plantas medicinais foi construída desde muito tempo atrás pelos povos primitivos. Essas ervas trazem muitos benefícios para o dia a dia até hoje.

Atualmente essas plantas estão em todos os lugares! Muitas vezes os profissionais da saúde indicam e mostram os benefícios de tais plantas. Então, se você busca conhecer mais sobre essas plantas e os seus benefícios, confira este artigo!

 

Plantas medicinais: o que é?

Na história data-se que em 2600 a.C. diversas ervas já eram utilizadas e catalogadas em alguns lugares do mundo. Povos nativos de todos os locais já adquiriram os conhecimentos necessários para tratar diversos males que acarretavam os seus semelhantes.

Quando a ciência começou a se desenvolver e melhorou a medicina, a aplicação de plantas medicinais aumentou a qualidade de vida das pessoas. E em vários lugares essas plantas são a única forma de curar muitas doenças.


O que caracteriza uma planta medicinal?

A principal característica que distingue uma planta qualquer de uma planta medicinal é que a planta medicinal apresenta vários compostos químicos que ajudam no tratamento de doenças e até na produção de fármacos.

Muitas vezes, essas plantas são usadas para a produção de medicamentos e suplementos naturais, o que é bastante utilizado nos dias de hoje.

Além de auxiliar no tratamento de doenças, as plantas medicinais também podem ser utilizadas para a prevenção de males.


Plantas medicinais ou plantas fitoterápicas?

Muitas pessoas confundem os conceitos de planta medicinal com planta fitoterápica. Por isso podem pensar que ambas são a mesma coisa e que o chá das plantas fitoterápicas é a mesma coisa que comprar aquele chazinho que o comerciante indicou.

Porém, há uma diferença entre elas. A planta medicinal, com já mencionado, possui diversas substâncias que podem trazer os benefícios necessários para algum problema. Essa planta é utilizada desde muito antes da ciência e o conhecimento foi adquirido com o passar das gerações.

Já a planta fitoterápica é aquela em que a comunidade científica comprovou os benefícios e que são comercializados com algumas regras. A Anvisa (Agência de Vigilância Sanitária) apresenta alguns requisitos para que aquela plantinha seja classificada como uma planta fitoterápica. Isso envolve um processo de industrialização e cuidados com a quantidade de doses que devem ser administradas. Muitas vezes envolve a produção de suplementos e fármacos com as substâncias presentes na planta medicinal.

 

Plantas medicinais: para que serve?

As plantas medicinais e seus produtos derivados servem para a profilaxia ou tratamento de vários males. Não é à toa, essas plantas são indicadas por médicos e especialistas para que a pessoa se beneficie dos seus nutrientes.

Esse tipo de planta é utilizado muitas vezes para o combate de problemas bem comuns, como insônia, falta de apetite, dores musculares, dores nas articulações, dor de cabeça, problemas intestinais, melhorar a disposição e etc.

Outros benefícios que podem ser obtidos com o uso desse tipo de planta são:

- Age como anti-inflamatórios naturais;
- Atua como antioxidante;
- Melhora o sistema cardiovascular;
- Fortalece o sistema imunológico;
- Atua num melhor funcionamento do intestino;
- Alivia sintomas menstruais;
- Algumas plantas medicinais têm a característica de atuar como calmante;
- Evita e combate ao estresse;
- Melhora o funcionamento das células e combate o envelhecimento e aparecimento de câncer;
- Algumas podem ajudar no processo de emagrecimento.

A suplementação de plantas medicinais pode ser ideal para pessoas que buscam o complemento de minerais, vitaminas ou outras substâncias que o corpo precisa.

Compostos como magnésio, ferro, sódio, potássio, vitamina do complexo B, vitamina C, A entre outros, podem ser facilmente encontrados nessas plantas.

 

Plantas medicinais: como tomar?

As plantas medicinais podem ser usadas de várias formas. A mais conhecida, desde a antiguidade, é a infusão de partes da planta, como folhas, raízes, caules ou flor.

Dessa forma, a planta pode ser acrescentada a uma água fervente e seus nutrientes serem passados para o chá.

Outra forma que tem crescido bastante é o uso de suplementos em cápsulas. Da forma mais natural, várias das substâncias benéficas das plantas medicinais podem ser usadas para a produção desses compostos. Muitas lojas de produtos naturais fazem a comercialização de cápsulas ou de partes das plantas em pó, por exemplo.

É bom ressaltar também os fitoterápicos, que são feitos a partir das substâncias presentes nas plantas medicinais. Nisso, muitos fitoterápicos apresentam benefícios e servem para inúmeros problemas, e é uma forma confiável de usar e ter benefícios.

Antes de tudo, lembre-se que é importante consultar um profissional de saúde. Ele avaliará o seu caso e mostrará qual a melhor forma de se beneficiar com os tipos de consumos.

 

Plantas medicinais: benefícios e vantagens

Os benefícios das plantas medicinais podem ser variados de acordo com as substâncias presentes. Por isso é importante que um profissional de saúde avalie cada caso e determine qual a melhor planta indicada para seu caso.

No decorrer dos estudos científicos, os benefícios cada vez mais são confirmados. A seguir você terá uma descrição dos benefícios de algumas plantas medicinais para os mais variados tratamentos.


Agrião

Essa planta previne a anemia, melhora a visão, aumenta o funcionamento do sistema imunológico. Previne algumas doenças do coração, e também doenças que acometem o sistema respiratório. Fortalece os ossos, ajuda no processo de emagrecimento e fortalece o sistema digestório.


Alecrim

Planta medicinal que atua no sistema nervoso e ativa a memória. Combate inflamações e aumenta o funcionamento do sistema imunológico. Por ser um bom antioxidante, combate o envelhecimento celular. Além de prevenir o câncer e melhorar a saúde a pele.


Aloe vera (babosa)

Popularmente conhecido como babosa, essa planta medicinal é muito conhecida pelos seus benefícios estéticos. Trata o cabelo e pele ao promover a hidratação. Além disso, o que poucas pessoas talvez saibam, é que a babosa é muito útil para o combate de processos inflamatórios como a gripe. É ainda um bom cicatrizante e melhora dores provocadas por queimaduras.


Boldo

O boldo é uma planta medicinal bastante conhecida por melhorar o funcionamento digestivo. Ele auxilia ao combater a azia e dores abdominais. Pode melhorar os sintomas da gastrite e combater o enjoo. Combate também a diarreia e sensação de dor no estômago e intestino.


Camomila

A camomila é uma planta medicinal que tem inúmeros benefícios e vantagens. Bem conhecido pelo seu poder de calmante, combate a insônia, alivia o estresse e também a ansiedade, atua como anti-inflamatório, entre outros. Ainda usado em produtos estéticos, essa planta pode melhorar a pele, cuidar dos cabelos e remover as impurezas que se acumulam na pele. Combate alguns sintomas da gripe e resfriado.


Canela de velho

Essa planta medicinal oriunda do Nordeste brasileiro apresenta propriedades anti- inflamatórias ao melhorar o sistema imunológico e combater dores articulares, por exemplo. Também alivia dores, por ter a propriedade analgésica.


Cavalinha

O extrato ou cápsula dessa planta é um bom diurético, atua também na perda de peso. Evita a retenção de líquidos, melhora o funcionamento dos rins e é um ótimo anti-inflamatório. Combate algumas infecções que afetam o sistema urinário.


Crataegus

Com inúmeros benefícios, essa planta previne o organismo de problemas cardiovasculares, diminui o colesterol ruim e a pressão arterial. Outros benefícios incluem o bom funcionamento do intestino e combate ao envelhecimento.


Erva cidreira

Essa erva atua ao melhorar o humor e trazer o bem estar, pois combate estresse e ansiedade. Sem falar que alivia a cólica menstrual e trata também alguns sintomas de doenças como a catapora. Melhora ainda sintomas de gripes e resfriados como a tosse. Além de melhorar as dores de cabeça.


Erva-doce

Essa planta medicinal reduz o colesterol ruim, combate a má digestão e a barriga inchada. Melhora o corpo dos sintomas da gripe e resfriado. Também combate inflamações no intestino e garganta.


Hibisco

Essa planta medicinal é muito conhecida como aliada ao combate das gorduras indesejadas, pois ajuda na queima de gorduras. Porém outros benefícios podem ser facilmente encontrados: o combate ao envelhecimento, melhora a digestão, diminuição da pressão arterial e do colesterol ruim.


Hortelã

A hortelã é muito conhecida. Ela é muito boa para aliviar dores das cólicas menstruais e problemas intestinais (ex. dores no estômago e diarreia). Ainda diminui a febre, dor de cabeça e azia. Atua ainda no sistema nervoso ao trazer alívio e tranquilidade. Além de tudo isso ainda atua na diminuição do estresse e da ansiedade.


Manjericão

O manjericão pode ser usado na culinária também, além de outras formas. Isso porque suas folhas possuem princípios ativos que combate sintomas da gripe e resfriado, inflamações no intestino e gases. Também é um importante aliado ao combate da náusea, enxaqueca, falta de apetite e insônia.


Moringa

A moringa é uma planta medicinal que apresenta muitos nutrientes. Suas substâncias são anti-inflamatórias e antioxidantes. Dessa forma, ela atua na prevenção e combate de vários males. Evita o envelhecimento das células, melhora a circulação e previne contra doenças cardiovasculares.

Previne ainda o aparecimento de diabetes e anemia e ainda auxilia na perda de peso por causa das suas fibras.


Unha de gato

É uma planta bastante eficaz para o combate de infecções que acarretam o sistema respiratório. Ainda melhora espirros alérgicos e ativa o sistema imunológico. Possui uma capacidade de melhorar o funcionamento dos rins e alivia úlceras, gastrite e outras inflamações.


Valeriana

Atua em alguns problemas do sistema nervoso, combate a insônia, ansiedade e é um ótimo relaxante. Também ajuda na cicatrização de feridas e é um ótimo aliado para a perda de peso (contém substâncias que traz saciedade).

 

Plantas medicinais: efeitos colaterais

Por mais que as plantas medicinais tragam muitos benefícios, elas podem trazer males e efeitos colaterais. Por isso, é importante que antes de tomar algum suplemento um profissional de saúde seja consultado.

Um dos efeitos colaterais mais comum é a toxicidade. Algumas plantas medicinais podem não ser usadas de forma correta (tanto o chá quanto o suplemento), o que pode causar uma série de problemas para o organismo.

Ao tomar mais do que a dose necessária, os compostos da planta podem trazer danos aos rins ou fígado e causar até infecções graves. Outro efeito colateral é a alergia, que pode surgir ao alguém entrar em contato com a substância.

Muitas vezes as plantas medicinais são utilizadas na pele ou cabelo, e isso deve ser sempre testado antes. Isso porque, caso a pessoa nunca tenha entrado em contato com a planta antes, pode desenvolver alergias.

Vale ressaltar também que algumas pessoas têm restrição quanto ao tipo de planta medicinal. Por exemplo:

- Grávidas;
- Lactantes;
- Idosos;
- Pessoas com problemas cardíacos;
- Imunodeprimidos.


Você deve consultar um profissional da saúde antes de testar qualquer tipo de planta medicinal.

 

Plantas medicinais: onde comprar

As plantas medicinais podem ser compradas de acordo com cada necessidade e a forma desejada. São facilmente encontradas em comércios da região ou até mesmo online. É importante procurar sempre as informações das lojas antes de comprar.

Uma empresa referência neste mercado é a Nature Center, loja online de grande confiança, que dará segurança e ainda mais facilidade de consumir produtos naturais de forma confiável.

A recomendação e o acompanhamento de um profissional da saúde habilitado são imprescindíveis para atingir o resultado desejado. Além disso, essa orientação irá atenuar ou até evitar os efeitos colaterais desses produtos.


 

Visitados

O que falam sobre nós

Acesse
o blog