Televendas: (31) 3063-8989
Central de Atendimento
(31) 3063-8989 (31) 98462-5344 @ sac@naturecenter.com.br Segunda à Sexta-feira de 8h às 19h.
Sábado de 9h às 13h.
Mostrando 5 Produtos em 1 páginas
Mostrando 5 Produtos em 1 páginas

Enzimas Digestivas - Saiba tudo sobre!

Você sabe o que são as enzimas digestivas e da sua grande importância para o nosso corpo? Como o próprio nome já sugere, ela desempenha seu papel na digestão, mas veremos mais detalhadamente mais à frente.

Glândulas presentes na boca e estômago, bem como outros órgãos são os responsáveis por produzir as enzimas digestivas, que juntas podem ajudar nos diversos processos digestivos que o organismo tanto precisa.

Se você quer conhecer mais sobre as enzimas digestivas, o que são, os tipos e para que serve, continue a leitura desse texto! Aqui você encontrará tudo sobre suas funções tão importantes para o nosso corpo.

 

O que são enzimas digestivas

As enzimas digestivas são moléculas classificadas como proteínas capazes de auxiliar na digestão dos alimentos. Elas fornecem para o corpo a capacidade de absorver melhor as moléculas presentes nas nossas refeições.

A função das enzimas nos alimentos é de promover uma melhor digestão, de forma a otimizar esse processo e suas vias metabólicas. Desta forma, um alimento que demoraria horas para ser quebrado e absorvido, irá demorar menos tempo, por isso essas enzimas são tão importantes para o organismo.


Onde as enzimas digestivas são encontradas?

Naturalmente, as enzimas digestivas são produzidas pelo nosso corpo, nas atividades das nossas células em alguns órgãos. Confira alguns órgãos que produzem enzimas:

- Glândulas salivares presentes na boca;
- Paredes do estômago;
- Glândulas anexas ao intestino delgado;
- Pâncreas.

Além desses órgãos que produzem as moléculas enzimáticas, elas também podem ser adquiridas na alimentação e em forma de suplementos. No caso dos suplementos, um profissional de saúde deve ser consultado.

 

Quais são as enzimas digestivas

Falar de enzimas digestivas não é fácil, pois existem muitos tipos. As enzimas digestivas podem ser encontradas em três tipos, principalmente: as lipases, proteases e amilase.

Cada um desses tipos apresenta várias enzimas específicas, que podem ser produzidas por outros locais. A seguir será mostrado um pouco sobre esses três tipos.


Lipase

As lipases são enzimas capazes de ajudar na digestão dos lipídios e é responsável por fazer com que esses compostos se quebrem em moléculas menores, como os ácidos graxos e glicerol. Esses tipos de enzimas são importantes pois ajudam o corpo a absorver vitaminas lipossolúveis.

As vitaminas A, D, E e K só são absorvidas por causa dos sais biliares e das lipases, que juntos ajudam na quebra. Por serem vitaminas importantes, se a pessoa não apresentar uma boa quantidade de lipase, o funcionamento do corpo pode ser prejudicado.


Protease

As proteases são as enzimas capazes de quebrar as proteínas. As proteínas se transformam em aminoácidos, que são unidades menores. São enzimas importantes pois os aminoácidos irão servir para a constituição dos indivíduos.

Células imunológicas, musculares, da pele, cabelo, órgãos, entre outros compostos necessitam das proteases para que as proteínas sejam quebradas e absorvidas pelas células. Isso garante um corpo saudável e forte.


Amilase

Amilases são as enzimas que conseguem quebrar moléculas chamadas carboidratos e fazem com que compostos menores sejam liberados: como glicose e maltose. A amilase salivar, por exemplo, é um tipo de enzima produzida pelas glândulas salivares que atua na quebra daquele pão ou biscoito que você se alimenta.

São importantes para a quebra dos açúcares, pois eles fornecem ao corpo a energia necessária para o metabolismo. Geralmente a diarreia está relacionada com a falta de algumas amilases no organismo.


Exemplos de enzimas importantes para o organismo

Vale lembrar que são inúmeras as enzimas presentes no corpo. Cada uma irá atuar em uma substância diferente. Aqui apresenta alguns exemplos dessas enzimas e suas ações:

- Celulase: é uma enzima capaz de quebrar a celulose, substância presentes nas fibras alimentares. É produzida por microrganismos presentes no nosso intestino, e sem eles não iríamos conseguir retirar os benefícios da fibra.
- Peptidase: é uma enzima do tipo protease que ajuda a quebrar algumas proteínas, como o glúten ou caseína. É produzida pelo intestino delgado.
- Lactase: enzima importante para quebrar as moléculas presentes no leite, a lactose. Produzida pelo intestino, a lactase é importante desde a infância para os mamíferos, pois só assim poderão se beneficiar desse alimento tão importante.
- Pepsina: enzima produzida pelo estômago e importante para a quebra das proteínas encontradas nos alimentos. Sem ela, não conseguiríamos digerir aquela carne consumida na hora do almoço.
- Pancreatina: produzida pelo pâncreas, essa enzima é importante para a quebra de certas gorduras e vitaminas, o que ajuda ao organismo a suprir a quantidade necessária desses compostos.
- Glucoamilase: enzima importante para a quebra de glicose e seus produtos.

Além dessas enzimas citadas, o suco entérico e o suco pancreático possuem muitas outras, que irão atuar na quebra das várias substâncias presentes nos alimentos. A ação desses produtos enzimáticos favorece a absorção de nutrientes pelo corpo.

O suco entérico é produzido pelo intestino delgado que quebram principalmente carboidratos e proteínas. Já o suco pancreático é produzido pelo pâncreas e possui enzimas que ajudam na quebra de carboidratos e lipídios, principalmente.


Alimentos que encontramos enzimas digestivas naturais

Além do próprio organismo produzir as enzimas digestivas, elas também são encontradas em alimentos, como já mencionado. Mesmo ao saber que a principal fonte das enzimas é produzida no nosso corpo, é importante consumir esses alimentos. Alguns alimentos que apresentam as enzimas digestivas são:

- Abacaxi;
- Banana;
- Mel;
- Mamão;
- Uva;
- Kiwi.

Além dos alimentos já citados, vários legumes são importantes para se obter enzimas digestivas. É importante saber que as inúmeras enzimas digestivas são produzidas pelos órgãos do corpo e é essencial obter uma boa alimentação para que elas sejam sintetizadas.

 

Para que servem enzimas digestivas

As enzimas digestivas irão servir para que o corpo quebre as moléculas presentes nos alimentos, facilita o processo de digestão. Assim, todo tipo de alimento que entrar no nosso corpo, será quebrado em minúsculos compostos e serão absorvidos no intestino.

Esse processo é essencial para os seres. Só assim, o corpo irá conseguir absorver e utilizar a energia necessária para o metabolismo.


Como as enzimas agem?

As enzimas são proteínas capazes de nos ajudar na quebra de alimentos. Isso acontece de forma muito específica, pois cada enzima irá funcionar para determinado tipo de composto, também chamado de substrato.

Dessa forma, os cientistas nomearam a ação das enzimas como modelo chave-fechadura. Isso porque cada enzima irá funcionar para um substrato específico, como se fosse uma chave que funciona apenas para a fechadura ideal.

Um exemplo é a enzima que quebra as proteínas. Nenhuma outra enzima poderá quebrar uma proteína se ela não for específica para aquele substrato. Assim, uma lipase, por exemplo, não poderá quebrar uma proteína.

Por isso, que pessoas que apresentam dificuldade em digerir lactose podem comer outros tipos de substâncias, pois o problema está naquela “fechadura” específica.


Enzimas digestivas e hipertrofia

Pessoas que buscam um bom condicionamento físico podem ser beneficiadas com os suplementos proteicos que contém as enzimas digestivas. Como as enzimas são importantes para digestão de alimentos, muitas vezes os suplementos proteicos podem estar associados a enzimas, para melhorar sua digestão.

As enzimas presentes nos suplementos ajudam na digestão das proteínas, o que facilita a absorção nos músculos, que crescem. Assim, o corpo adquire mais proteínas e massa magra, o que ajuda na hipertrofia.

 

Enzimas digestivas cápsulas

Algumas vezes o organismo não consegue produzir certo tipo de enzima. Em alguns casos de doenças, como intolerância e disbiose, é necessário consultar um profissional de saúde. Em alguns casos, é necessário que a pessoa tome suplementos de certas enzimas.

As cápsulas são produzidas a partir de enzimas de origem animal ou vegetal. Compostos naturais, elas possuem a quantidade necessária da enzima que o corpo não consegue produzir. O recomendado é consumir as cápsulas antes das refeições.


Em quais casos é importante o suplemento de enzimas digestivas?

Algumas pessoas necessitam de uma suplementação de certas enzimas digestivas. Isso acontece, pois, o corpo não produz certas enzimas por conta de alguns fatores ou doenças.

Confira a seguir alguns problemas que fazem com que as pessoas necessitem de uma suplementação enzimática:

- Tipos de pancreatite (já que esse órgão é necessário para a produção de várias enzimas);
- Cistos ou tumores no pâncreas;
- Diabetes;
- Câncer de pâncreas;
- Problemas nos ductos pancreático, o que não ajuda na liberação de enzimas;
- Fibrose cística;
- Alterações genéticas envolvem a deficiência de uma proteína.

Nesses e em outros casos, a pessoa deve buscar ajuda médica, pois a suplementação pode ajudar da melhor forma.


Sintomas da falta de enzimas no organismo

Se o corpo não produz as enzimas necessárias para que os alimentos sejam quebrados, o organismo dá alguns sinais de que não está no funcionamento perfeito. Assim também vale para os casos de o corpo produzir pouca quantidade, o que traz desconfortos.

A seguir você será alguns sintomas que podem se relacionar com a digestão lenta de alguns compostos:

- Inchaço abdominal;
- Gases em excesso;
- Mal cheiro nas fezes;
- Algumas composições incomuns em fezes, por exemplo gorduras;
- Diarreia;
- Dores abdominais após se alimentar.

Além dos sintomas retratados, quando a pessoa come bem e saudável, mas mesmo assim emagrece, pode ser um sinal de que há problemas enzimáticos. Nesses casos, é necessário buscar ajuda profissional.


Efeitos colaterais das cápsulas de enzimas digestivas

Os efeitos colaterais que podem aparecer em pessoas que tomam o suplemento das enzimas incluem:

- Constipação;
- Cólicas;
- Diarreia;
- Náuseas.

Além disso, podem aparecer alergias, o que deve sempre ficar atento para qualquer tipo de alteração.

Em casos como esses citados, é importante que o médico seja consultado o mais rápido possível. Há também o caso de que algumas medicações podem interagir com as cápsulas enzimáticas. Por isso que na hora da consulta o médico deve ser informado.

Outro caso que envolve os efeitos colaterais é que as pessoas podem não segue a quantidade recomendada pelo médico. Cada caso requer certa quantidade de enzima e caso isso não seja cumprido, alguns incômodos podem aparecer.


Contraindicação

Pessoas que apresentem alergias aos compostos presentes nas cápsulas não podem ingeri-las. Em casos de pessoas como gestantes, lactantes e nutrizes, um médico deverá ser consultado e avaliar cada caso.

Nutrizes e crianças que sejam menores de 3 anos só poderão tomar em casos analisados pelo médico. Ele que irá verificar qual a necessidade de cada um.

 

Como tomar

A forma de tomar suas cápsulas suplementares irá variar. Elas podem ser consumidas antes das refeições ou alguns tipos podem ser misturados na comida. Alguns suplementos proteicos apresentam as enzimas digestivas, e podem ser preparados com sucos.

Cerca de 15 minutos antes da refeição, poderá ser tomada a cápsula. Essa é uma forma muito usada com pessoas intolerantes a lactose. A quantidade de cápsulas ao dia pode variar de acordo com cada paciente. O médico poderá indicar a melhor forma e quantidade.

 

Onde comprar o suplemento das enzimas digestivas

Quando se trata de suplemento enzimático, é sempre importante buscar ajuda profissional antes de aderir ao tratamento. Existem no mercado diversos tipos de suplementos enzimáticos, então irá variar bastante, de acordo com cada caso.

As lojas de produtos naturais oferecem boas opções de cápsulas enzimáticas. Uma das mais utilizadas se trata de enzimas que auxiliam na digestão da lactose, recomendado para pessoas que tem intolerância a lactose.

Assim que o seu médico indicar a melhor opção de suplementos enzimáticos, você poderá procurar as cápsulas em lojas físicas ou na internet. Busque sempre informações confiáveis sobre a loja. A Nature Center traz algumas opções de cápsulas que contém enzimas.


 

Visitados

O que falam sobre nós

Acesse
o blog