Televendas: (31) 3063-8989
Central de Atendimento
(31) 3063-8989 (31) 98462-5344 @ sac@naturecenter.com.br Segunda à Sexta-feira de 8h às 19h.
Sábado de 9h às 13h.
Mostrando 6 Produtos em 1 páginas
Licopeno 60 Cápsulas Fitoway é um produto a base de licopeno de tomate que ajuda a combater doenças cardiovasculares e da próstata.
Fitoway
Product ID: 2535
Product SKU: 2535
New In stock />
Licopeno  - 60 Cápsulas - Fitoway
Licopeno Max 1000mg 60 Cápsulas Katigua é uma substância com ação antioxidante que combate os radicais livres do organismo e previne diversos tipos de doença, incluindo o câncer de próstata.
Katigua
Product ID: 2423
Product SKU: 2423
New In stock />
Licopeno Max 1000mg - 60 Cápsulas - Katiguá
Licopeno de Tomate Katiguá é um suplemento alimentar com função antioxidante, que atua na prevenção do câncer de próstata.
Katigua
Product ID: 2723
Product SKU: 2723
New In stock />
Licopeno de Tomate - 60 Cápsulas - Katiguá
Men 40 Katiguá é um estimulante sexual natural completo. Men 40 é votado para homens que desejam ter uma vida a dois mais intensa, além de contribuir para melhora da saúde como um todo.
Katigua
Product ID: 3223
Product SKU: 3223
New In stock />
Men 40 - 60 Cápsulas - Katiguá
Licopeno é um suplemento fonte de antioxidantes que melhora a saúde cardiovascular e ajuda a prevenir doenças em nosso organismo.
Chá Mais
Product ID: 3098
Product SKU: 3098
New In stock />
Licopeno - 100 Cápsulas - Chá Mais
Repomix é um suplemento natural essencial à saúde da mulher devido à redução aos sintomas da TPM e Menopausa, ação antioxidante e anti-inflamatória.
Melcoprol
Product ID: 2861
Product SKU: 2861
New In stock />
Repomix - 60 Cápsulas - Melcoprol
Mostrando 6 Produtos em 1 páginas

Licopeno

Atualmente, cuidar da saúde tem sido um dos objetivos que as pessoas mais têm buscado em seu dia a dia. Seja pela prática de exercícios regulares, seguir uma dieta regrada e repleta de nutrientes ou até mesmo tomar passar protetor solar, ingerir menos bebidas alcoólicas e não adquiri ou manter um hábito de tabagismo.

No entanto, o que muitos não sabem é que às vezes essas medidas nem sempre são o suficiente para nosso corpo, que, de forma silenciosa, necessita cada vez mais de algumas substâncias disponíveis na natureza para se manter saudável. O licopeno, por exemplo, é um desses componentes essenciais para a saúde de nossos órgãos, como próstata, cólon, fígado, pele e pulmões, e infelizmente não é produzido por nosso corpo.

Mas se nosso corpo não produz essa substância, como, então, é possível obtê-la? O que exatamente é essa substância? Como é possível consumi-la? Quais os efeitos que causa no organismo? Quem pode tomá-la? Há contraindicações? Acompanhe, no texto a seguir, todas as respostas para essas perguntas e obtenha mais informações sobre esse assunto!

 

O que é Licopeno?

O licopeno é um pigmento avermelhado disponível em alguns alimentos. Considerado um carotenoide, pigmento de cor naturalmente vermelha responsável por dar cor a alguns alimentos alaranjados, amarelos e vermelhos como melancia, goiaba, cenoura, mamão, uva, gojiberry etc, sua maior concentração é encontrada atualmente no tomate.

Recentemente, estudos científicos descobriram que ele é uma poderosa substância preventiva de vários tipos de câncer e doenças do coração. Por esse motivo, hoje em dia, seu consumo diário é altamente recomendado por profissionais e realizado por inúmeras pessoas que desejam evitar doenças cardiovasculares, como a aterosclerose, e vários tipos de câncer, como de mama, pulmão, próstata, ovários, bexiga, cólon e pâncreas.

Além disso, essa potente substância também é utilizada para o tratamento de algumas infecções transmitidas pelo vírus HPV, que se configura como um dos principais causadores do câncer de útero, e doenças como catarata e asma.

Mas como é possível se beneficiar desse pigmento? Acompanhe ainda mais informações a seguir!

 

O Tomate e o Licopeno

Antes de nos informamos ainda melhor, é necessário saber que o licopeno é encontrado mais abundantemente no tomate e em seus derivados. Em outras palavras, o tomate é melhor fonte desse pigmento encontrada atualmente na natureza, tornando-se uma excelente opção por ter pouco valor calórico, ser fonte de fibras e ter efeito antioxidante.

Assim, quanto maior for a quantidade de tomate utilizado em uma receita culinária, maior será o teor da substância carotenoide no alimento. Para se ter uma noção de sua importância, no exterior, cerca de 85% dessa substância é consumida por meio do suco de tomate – um copo contém cerca de 20 miligramas do pigmento. Porém, no Brasil, não temos o costume de consumir esses derivados como o suco, por exemplo.

Ainda assim, somos consumistas ávidos de polpa de tomate e ketchup, não é mesmo? Pois bem, quando o tomate é cozido para fabricação desses produtos, a estrutura química do pigmento é transformada, sendo, dessa forma, mais facilmente absorvida pelo organismo. No entanto, as quantidades consumidas desses produtos não são o suficiente para que possamos garantir a manutenção da saúde com as doses de licopeno recomendadas.

Por esse motivo, a suplementação rica nessa substância é essencial para que nosso organismo seja capaz de aproveitar todos os benefícios trazidos pelo pigmento e, assim, se beneficiar de todos os efeitos benéficos que causa em nosso corpo.

Mas qual são esses efeitos? O que o consumo diário dessa substância pode fazer por nosso organismo? Confira a seguir!


 

Como o Licopeno age em nosso Organismo?

Antes de tomarmos ciência dos benefícios dessa substância carotenoide, é importante que compreendamos o que são radicais livres e o que causam em nosso organismo.

Os radicais livres são produzidos durante funções naturais e comuns do nosso corpo, tais como atividades físicas que desempenhamos diariamente e a própria respiração. Além disso, eles também podem ser formados por alguns fatores externos, como o hábito do tabagismo, exposição excessiva a raios solares, poluição do ambiente e estresse decorrente da nossa rotina.

Mas quais problemas a produção de radicais livres podem trazer? Pois bem, quando produzidos em excesso e sem controle, podem ocasionar danificações às nossas moléculas essenciais das células saudáveis do organismo, resultando, assim, no desenvolvimento e agravamento de inúmeras doenças, como as doenças do coração e o câncer.

O licopeno é transportado em nosso sangue através das lipoproteínas, as quais desempenham a principal função de fornecimento do colesterol para as células do organismo. Assim, seus maiores níveis de concentração no corpo humano são encontrados no fígado, órgão responsável pelo maior armazenamento da substância no organismo.

É interessante saber também que, ainda que o tecido adiposo não seja um local de grande armazenamento desse pigmento, pode se tornar um importante detentor da taxa de carotenoides quando estiver presente em grandes quantidades no organismo.

No caso dos seres humanos, nosso organismo é capaz de absorver cerca de 10 a 30% da ingestão da substância, sendo o restante eliminado pelo corpo. Essa baixa taxa de absorção é consequência do formato das ligações químicas presentes no pigmento e por conta de suas ligações com outras moléculas, o que limita, assim, sua absorção.

De qualquer forma, a substância carotenoide, quando consumida, é absorvida por nosso organismo de forma que difunde-se por meio da membrana das células da mucosa intestinal, onde, então, são absorvidos e novamente transportados por nosso sistema linfático diretamente para o fígado. Assim que sua absorção é realizada por esse órgão, a substância adentra novamente a nossa corrente sanguínea.

 

Quais são os Benefícios do Licopeno?

Ainda que os efeitos dessa substância carotenoide possam ser identificados em praticamente todo o organismo e seus sistemas, há alguns órgãos que se beneficiam mais com os resultados no que diz respeito à prevenção de algumas doenças, sendo eles:

- Coração.
- Pâncreas.
- Cólon.
- Pulmão.
- Bexiga.
- Mamas.
- Ovários.

E quais são os benefícios provenientes do consumo diário e contínuo dessa potente e essencial substância? Os principais deles são:

- Aumenta a virilidade.
- Auxilia na prevenção de vários tipos de câncer.
- Auxilia na prevenção de doenças do coração.
- Dificulta o acúmulo de gordura nas veias arteriais.
- Auxilia o combate dos radicais livres.
- Protege dos raios solares quando associado a outros componentes.
- Reduz as taxas de colesterol e as mantém equilibradas.
- Previne doenças oculares, como a catarata, e melhora a visão.
- Controla a pressão arterial.
- Elimina agentes oxidantes da corrente sanguínea, reduzindo, assim, os danos celulares.
- Aprimora a sensibilidade a insula.
- Melhora a saúde da pele, pois age como proteção ao sol, ainda mais se combinado com complexos de vitamina E, C e Betacaroteno.
- Evita o desgaste das células ósseas, prevenindo, assim, doenças como a osteoporose.
- Auxilia a fertilidade masculina.
- Atenua quadros de degeneração macular.
- Previne e retarda o câncer de próstata.
- Melhora a qualidade de vida.
- Previne o envelhecimento da pele.

 

Ação Preventiva do Licopeno

Há inúmeros estudos científicos que comprovaram que o licopeno, de fato, previne e diminui o risco de câncer de próstata em homens que adotaram seu consumo contínuo e diário.

Para se ter uma ideia, em um estudo com 32 homens diagnosticados com essa terrível doença, foram administrados diariamente cerca de 30mg da substância para cada um dos enfermos. O resultado? Em três semanas de suplementação contínua, todos os pacientes apresentaram uma queda no índice das células cancerígenas quando comparados com aqueles enfermos que não realizaram a ingestão do pigmento.

Assim, é possível concluir com convicção que essa substância carotenoide pode realmente inibir o avanço do câncer de próstata em alguns pacientes que sofrem com essa triste doença.

Ademais, um estudo conduzido pela Universidade de Harvard concluiu que homens que realizam o consumo diário da suplementação podem, sim, reduzir em até 34% o risco de aparecimento do câncer de próstata. Ou seja, essa substância carotenoide apresenta-se como poderoso aliado no que diz respeito à prevenção desse tipo de câncer.

Em relação aos outros tipos de câncer, estudos conseguiram observar melhoras significativas em casos da doença em órgãos como estômago e pulmão. Também foram observadas vantagens, ainda que em menor escala, em casos de câncer do pâncreas, do esôfago, do colo do útero e da boca.

No que diz respeito às doenças cardiovasculares, estudos constataram que doses diárias de no mínimo 25 miligramas são capazes de diminuir de forma significativa os níveis absolutos de colesterol, principalmente o “colesterol ruim”, denominado LDL. Além disso, concluiu-se também que o consumo do pigmento é eficaz na prevenção de doenças do coração.

 

Tipos de Licopeno

Como já ficou evidente, o licopeno é uma excelente opção para quem quer melhorar a saúde e se prevenir das tão temidas doenças como câncer e doenças cardiovasculares.

Além disso, ele é essencial para aquelas pessoas que desejam purificar o organismo. Devido à sua ação antioxidante, ele consegue garantir a proteção das células que recebem ataques de radicais livres, evitando, assim, os danos ocasionados por esse acontecimento no organismo.

Assim, ao inserir o consumo dessa substância carotenoide no seu dia a dia, você é capaz de fortalecer as membranas celulares, alcançando a fluidez necessária para que os nutrientes sejam absorvidos ao mesmo tempo em que as toxinas são eliminadas. Ou seja, quanto mais saudáveis estiverem as células do seu corpo, cada vez mais saudável o seu organismo também vai ficar.

Você provavelmente está se perguntando: mais para obter todos esses benefícios, quais são os tipos de licopeno disponíveis hoje em dia no mercado? Além do licopeno tradicional em sua versão individualizada, há também fórmulas mistas (associação da substância carotenoide com outros importantes componentes), sendo as principais delas:

- Substância carotenoide associada com selênio.
- Substância carotenoide associada com vitamina E.
- Substância carotenoide associada com colágeno.
- Substância carotenoide associado com betacaroteno.

É importante saber que todos os benefícios obtidos por meio da alimentação rica nessa poderosa substância antioxidante também são obtidos por meio da ingestão de sua versão em cápsulas. Porém, sua versão em cápsulas é ainda melhor, pois tem o adicional da garantia de que as quantidades necessárias recomendadas sejam ingeridas diariamente, algo que às vezes somente a alimentação não é capaz de fazer.

 

O que Acontece no Organismo quando há Insuficiência de Licopeno?

Evidentemente, a falta de licopeno no organismo é altamente prejudicial às funções de nosso corpo. Mas o que exatamente essa insuficiência pode causar?

Já sabemos que essa substância carotenoide é extremamente essencial para todos os seres humanos, ainda que não seja naturalmente produzida por nosso corpo, não é mesmo?

Mesmo assim, sua insuficiência em nosso organismo ainda não é considerada pelos especialistas uma condição clínica grave. No entanto, as doenças que podem surgir caso não tenhamos cuidado em ingerir as doses preventivas diárias e recomendadas, como câncer de próstata e doenças cardiovasculares, são, sim, consideradas alarmantes.

Na dúvida, é sempre melhor nos lembrarmos daquele antigo e sábio ditado: é melhor prevenir do que remediar, não é verdade?

 

Há Contraindicações de Consumo do Licopeno?

Como já ficou evidente, o licopeno é uma excelente opção para quem quer manter a saúde sempre em dia. Mas muitas pessoas se perguntam: com todos esses benefícios, será que há alguma contraindicação para o consumo dessa substância?

Geralmente, por ser obtido a partir de alimentos completamente naturais, não há nenhuma contraindicação para seu consumo. Porém, quando consumido de forma excessiva pode, sim, ser prejudicial ao corpo, resultando em inchaço, náuseas, vômito, diarreia, cólica, gases e até mesmo alterações na pele.

Além disso, se a pessoa apresentar qualquer tipo de alergia à substância, é evidente que ela não pode consumir esse tipo de suplementação. Por esse motivo, é sempre importante consultar um nutricionista ou médico especializado para que, assim, a substância possa ser ingerida sem quaisquer problemas para sua saúde e qualidade de vida.

Respeitando-se os limites, junto a uma dieta regrada e a uma rotina de exercícios físicos, é possível incluir uma suplementação natural para prevenir doenças e aumentar a saúde do nosso organismo.

Viu só como é possível ingerir uma suplementação proveniente da natureza para garantir saúde, prevenir doenças indesejadas, como câncer e doenças cardiovasculares, reduzir as taxas de colesterol e melhorar a qualidade de vida? Comece hoje mesmo a incluir essa poderosa substância em sua dieta diária e acompanhe os efeitos benéficos para seu corpo e para a sua saúde!


 

Visitados

O que falam sobre nós

Acesse
o blog